Destaqueturismo

62% dos turistas preferem visitar a Costa das Baleias em feriados

Para direcionar as atividades do projeto Turismo Costa das Baleias, o Sebrae em Teixeira de Freitas realizou uma pesquisa com turistas que frequentam as cidades litorâneas que compõe essa área. Entre os dias 1º e 5 de março, foram aplicados questionários em Alcobaça, Caravelas, Prado, Mucuri e Nova Viçosa, além do Aeroporto de Teixeira de Freitas.

A Pesquisa de Perfil da Demanda Turística da Costa das Baleias demonstra que 62% dos turistas costumam viajar em feriados e finais de semana prolongados, enquanto 37% optam por férias e 1% por fins de semana normais. O perfil é equilibrado quanto ao gênero: 51% masculino e 49% feminino.

A faixa etária majoritária é de 19 a 39 anos (60%), com maior volume entre 19 e 29 anos. Outros 54% têm nível superior de escolaridade e 69% do público vêm da região Sudeste, com Minas Gerais liderando a lista de turistas.

O motivo de viagem que possui maior destaque é sol e praia, com 42%. Festa popular segue na segunda posição, com 25%, e natureza ocupa o terceiro posto, com 12%.

O gerente regional do Sebrae em Teixeira de Freitas, Alex Brito, aponta que a pesquisa trouxe resultados importantes e bastante reveladores sobre os hábitos e as experiências dos turistas que já frequentam as praias da região. “Com esses resultados em mãos, poderemos trabalhar melhor as ações do programa Turismo Costa das Baleias, direcionando mais especificamente para as necessidades que foram identificadas e orientando, assim, os pequenos empresários que estão situados nessas cidades”.

A pesquisa tem nível de confiança de 95%, e sua realização foi apoiada pelos municípios que compõe a Costa das Baleias. Os resultados completos serão entregues aos representantes, para que possam refletir sobre a visão dos turistas que frequentam a região e implementar melhorias no setor.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios