Bahia

CNM diz que piso da enfermagem em prefeituras baianas deve gerar impacto de R$ 628,9 mi

A instituição do piso nacional da enfermagem pode impactar em R$ 628,9 milhões no Erário das prefeituras baianas. O dado foi estimado em levantamento da Confederação Nacional de Municípios (CNM). Segundo a mesma pesquisa, o impacto nos municípios do país seria da ordem de R$ 9,4 bilhões.

O valor foi apurado após aprovação do piso da enfermagem pela Câmara dos Deputados (ver mais aqui). Pela medida, o valor estabelecido para enfermeiros ficou em R$ 4.750; o de técnicos de enfermagem, em R$ 3.325; e o de auxiliares e de parteiras, R$ 2.375.

Até o momento ainda não ficou definido a fonte de receita que arcará com os custos, antes da possível sanção presencial. Ainda segundo a CNM, a entidade busca junto aos parlamentares que a proposta tenha garantia de contrapartida do governo federal para que os municípios possam cumprir com mais uma obrigação.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios