DestaqueEleições

Levantamento aponta Robinho, Larrissa, Suíca e Mirela entre os eleitos da região

A disputa por uma vaga na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBa) segue acirrada e a renovação deve atingir pelo menos 40%, de acordo com levantamento feito em pesquisas internas e conversas com assessores políticos e jornalistas, que apontam os principais nomes. O coeficiente eleitoral para garantir uma vaga de deputado estadual deve ficar entre 95 e 105 mil votos.

O estudo não oficial aponta que a base do governador Rui Costa (PT) deve eleger, no total, 40 deputados estaduais, podendo chegar a 42. Inclui-se na conta o chapão, o PC do B (disputa sozinho) e ainda uma chapinha formada pelos nanicos PTC/PMN.

De olho no cenário no extremo sul baiano, o levantamento aponta Larissa Oliveira (PSD) entre as deputadas eleitas com mais de 60 mil votos.

Entre os prováveis eleitos com mais de 40 mil votos esta o deputado Robinho (PP), o deputado Janio Natal (PODEMOS), o vereador por Salvador Suíca (PT) que faz dobradinha com Valmir Assunção em Itamaraju e Mirela Macedo (PSD) que tem o apoio do vereador Egnaldo Fernandes.

Entre os nomes conhecidos na região, da oposição, deve se reeleger o deputado Sandro Régis (DEM).

 

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios