DestaqueEducação

Oficinas dinamizam aprendizagem no Complexo de Educação de Porto Seguro

Os estudantes do Ensino Médio do Complexo Integrado de Educação de Porto Seguro (Cieps), localizado na região do extremo sul baiano (a 713 quilômetros de Salvador), já estão frequentando as 21 oficinas ofertadas através do projeto Estações dos Saberes. A iniciativa, realizada em todos os Complexos Integrados de Educação (CIE), visa trabalhar conteúdos que contribuem para a formação integral dos estudantes.

O projeto, que é desenvolvido por meio de oficinas e organizado dentro da carga horária escolar, tem seus temas definidos através de sugestões de alunos, professores e parceiros pedagógicos, durante reunião, e acontece trimestralmente de forma multisérie e interdisciplinar, dinamizando o ambiente escolar e promovendo o protagonismo estudantil.

Na unidade escolar, as oficinas acontecem às terças-feiras, pela manhã, e às quintas-feiras, no período da tarde, sem comprometer os horários das disciplinas regulares. Dentre as oficinas, destacam-se: xadrez, jornal, história regional, basquete, futsal, química dos alimentos, software matemático, teatro, dança, coral, fanfarras, grafite, horta escolar na perspectiva da educação ambiental e agroecológica, dentre outras.

De acordo com a coordenadora pedagógica Alessandra Tito, as Estações dos Saberes são importantes porque contemplam todas as áreas do conhecimento, como Ciências da Natureza, Humanas, Língua e Linguagens. “Elas trabalham a parte diversificada do currículo na perspectiva da formação integral do aluno, pois cuidam da parte cognitiva do estudante como um todo com atividades lúdicas, culturais, científicas e esportivas. Além disso, contribuem para a melhoria da relação interpessoal dos estudantes”, destaca.

O estudante Gustavo Gimenez Novaes, 16, do 2° ano, afirma que tem muita aptidão pela área da música e, por conta disso, está participando das oficinas de canto coral e banda. “Sempre gostei de música e essas oficinas nos permite adquirir novos conhecimentos, pois aprendemos sobre técnica vocal, estilos musicais, história da música, além de podermos aprimorar o nosso talento cantando ou tocando instrumentos musicais”, revela. Segundo Aline Silva Santos, 18, também do 2° ano, as oficinas tornam a rotina escolar mais dinâmica e divertida. “Estou participando das oficinas de vôlei e dança e estou gostando muito porque podemos trocar experiências com alunos de outras séries e fazer novos amigos”, salienta a estudante.

Os Complexos Integrados de Educação são unidades que ofertam Educação Básica e Ensino Superior no mesmo espaço com o objetivo de desenvolver novas metodologias de aprendizado, integrando estudantes e professores da Educação Básica e Superior. Atualmente, a Secretaria da Educação do Estado da Bahia mantém os Complexos Integrados de Educação de Porto Seguro, Itamaraju e Itabuna, em parceria com a Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), e de Ipiaú, em parceria com a Universidade Estadual da Bahia (Uneb).

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios